Estive pensando.

Hoje me dei conta que eu poderia amar qualquer pessoa no mundo, poderia amar qualquer pessoa no mundo inteiro. Eu poderia amar aquele vendedor simpático de sorriso largo e olhos brilhantes, poderia amar o entregador de pizza, o porteiro, poderia amar aquele cara da fila do banco, poderia amar um escritor, aquele músico, um cineasta. É, eu poderia amar o vizinho, o amigo do meu primo, o amigo do amigo, o teu amigo. Poderia estar perdidamente apaixonada e vivendo um romance com um aquele moreno, alto, bonito e sensual. É, eu poderia. Mas hoje eu me dei conta que eu poderia amar qualquer pessoa no mundo inteiro. E ainda assim, eu escolhi você.

Anúncios